Psicoses e Políticas Públicas: Impasses e Desafios

psicaso.jpg

As Políticas de Saúde Mental promovidas pelo atual governo brasileiro,
inclusive a partir dos acontecimentos com a nota 11/2019, nos convocam
ao debate sobre as questões ideológicas envolvidas na compreensão do
sofrimento psíquico e consequentemente nas propostas de intervenção
pelo Estado. Diversas conquistas da Reforma Psiquiátrica, movimento
social de significativa importância na história recente, estão sob grave
ameaça de desmantelamento diante desse retrocesso.

Convidamos todos para esse debate.

Quarta-feira
25/09/2019
19h30
Auditório do Instituto Sedes Sapientiae

Debate com:

Isadora Simões de Souza

Psicóloga. Mestre em Saúde Mental (Universidade Nova/Lisboa). Douto-
randa em Psicologia Social (PUC-SP). Docente na Universidade Anhem-
bi Morumbi. Trabalhou na Coordenação Nacional de Saúde Mental do
Ministério da Saúde (2012/2016) e na Coordenação Municipal de Saúde
Mental da Secretaria Municipal de Saúde/SP (2016 /2017).

Patrícia Villas-Boas

Psicóloga. Psicanalista. Mestre em Psicologia Social (IPUSP). Membro
do Departamento Formação em Psicanálise/ISS. Docente no curso Saú-
de Mental e Reforma Psiquiátrica: clínica e política na transformação
das práticas (ISS). Supervisora clínico-institucional de equipes de saúde
mental em CAPS e Atenção Básica.

Coordenação:

Ana Gebrim
Evento aberto e gratuito

Inscrições:

www.sedes.org.br
ou na secretaria do Instituto Sedes Sapientiae
Local:
Instituto Sedes Sapientiae
Rua Ministro Godói, 1484 – Perdizes

Vagas Limitadas

Share this post

scroll to top