Código: 8619
Objetivo

Apresentar as noções teóricas e práticas que demonstram as possibilidades e as utilizações da MIF como instrumento de avaliação capaz de nortear propostas de intervenção que visam a recuperação ou a manutenção da capacidade funcional do indivíduo para realizar tarefas motoras e/ou cognitivas.

Corpo Docente

Bernadete Oliveira (Fisioterapeuta, experiência com equipe multiprofissional nas áreas clínica, domiciliar, hospitalar, na Rede de Reabilitação Lucy Montoro e no Ônibus de Fisioterapia Itinerante. Fisiologista do Exercício. Mestre em Gerontologia Social. Doutora em Ciências Sociais/Antropologia. Coordenadora do curso de Gerontologia Social do Instituto Sedes Sapientiae).
André Tadeu Sugawara (Mestre em Ciências da Saúde. Médico Fisiatra e Coordenador do Instituto de Medicina Física e Reabilitação do Hospital das Clínicas, São Paulo (Rede Lucy Montoro). Especialista em Clínica Médica, Medicina Física e Reabilitação, Acupuntura e Dor. Diretor de Ensino e Treinamento da Associação Brasileira de Medicina Física e Reabilitação - gestão 2018-2020).

Conteúdo Programático
  • Apresentação das Avaliações funcionais: Medida de Independência Funcional (MIF) e Classificação Internacional de Funcionalidade (CIF).
  • Introdução ao estudo da funcionalidade e do cuidado – fatores ambientais e fatores pessoais.
  • Capacidade funcional: paradigma voltado à visão humanista em saúde.
  • Discussão de casos reais que caracterizam a capacidade funcional, a funcionalidade, a autonomia, a dependência e a incapacidade, o desempenho funcional e a relação de ajuda.
  • Exercícios dirigidos para aprender como aplicar a MIF e avaliar o desempenho do indivíduo quanto à atividades motoras e também quanto à capacidade de comunicação ou cognitiva.
  • Qual a necessidade de ajuda requerida? Níveis de funcionalidade para reforçar estratégias de conduta que visam a vida diária independente com segurança.
  • A filosofia e o exercício da Classificação Internacional de Funcionalidade (CIF).
  • Comparativo da MIF e CIF, definindo capacidade e desempenho – vantagens e desvantagens.
  • Considerações sobre as variáveis tempo, ambiente e efeito teto e discussão de casos reais.
  • Condutas em casos reais orientadas pela MIF e CIF.

ESTRATÉGIAS: Apresentação de material teórico relativos a MIF e a CIF
Aulas teóricas e práticas, interativas, com apresentação de casos reais e exercícios dirigidos.
Para que o profissional seja considerado apto a aplicar a MIF, deverá realizar e entregar até o final do curso a avaliação prática de 10 (dez) pessoas com algum problema no desempenho para realizar atividades motora e/ou de comunicação e/ou cognitiva. No último dia do curso serão realizadas pelos alunos apresentações individuais para apreciação do professor.

Destinado a

Profissionais graduados e alunos do último ano de graduação das diversas áreas que tenham interesse em se habilitar para aplicar Medida de Independência Funcional (MIF).

Duração/Horário

Duração:

21/03/2020 a 06/06/2020.

Horário

sábados, das 09h00 às 13h00.

Informações para inscrições

Carga horária: 40 horas.

Nº vagas: 25 (vinte e cinco).

Matrícula até: 20 de março de 2020, às 12h00.

INVESTIMENTO: - Na secretaria do Sedes: R$ 1.500,00 à vista ou em três vezes no cartão de crédito;
- Via Internet: cartões de crédito (conforme política da operadora); cartão de débito (à vista).

Documentos necessários e outras informações para inscrição, clique aqui...

Inscrições suspensas temporariamente para reagendamento de nova data para início do curso.



Share on FacebookTweet about this on Twitter