sexta-feira, 25 de agosto de 2017 - 15h23

Evento – A Geração Pós-Lacan e a Clínica do Negativo – 19/08/2017
25 ago. 2017

Evento – A Geração Pós-Lacan e a Clínica do Negativo – 19/08/2017

A década de 1960 foi fecunda para a Psicanálise francesa. Entre as razões desta fertilidade, duas são especialmente relevantes: os efeitos do ensino de Lacan e o amadurecimento da geração que iniciara seu percurso analítico nos anos cinquenta, da qual fazem parte Piera Aulagnier, André Green, Jean Laplanche, Conrad Stein, Jean-Baptiste Pontalis, Wladimir Granoff, Guy Rosolato, Joyce Mc Dougall, entre outros. Para todos, os anos sessenta foram os da constituição da sua própria perspectiva, que incorpora o que absorveram de Lacan e a crítica à qual submeteram as suas doutrinas.

O conjunto dos trabalhos destes autores constitui uma parte essencial do que chamamos de “Psicanálise contemporânea”. Fernando Urribarri e Renato Mezan apresentarão uma visão histórica do surgimento e evolução do movimento pós-lacaniano, seguindo três momentos: com Lacan, contra Lacan e mais além de Lacan.

Entre os desafios que a clínica contemporânea nos defronta, Décio Gurfinkel e Fernando Urribarri pretendem abordar o que André Green e outros autores, franceses e ingleses, definiram como a clínica do negativo.

Esboçarão uma compreensão metapsicológica, dos quadros não neuróticos marcados por uma negatividade radical, como se observa nos casos fronteiriços e no “sono branco”; serão também discutidas as mudanças técnicas que estes quadros exigem.

Share on FacebookTweet about this on Twitter