O Núcleo de Assistência Social (NAS) do Instituto Sedes Sapientiæ foi criado em 2016 na busca por articular, mediar e integrar as necessidades da comunidade e a expertise do Instituto, prevendo diversas ações, seja de promoção da saúde e cidadania ou de enfrentamento de situações de vulnerabilidade social, pautado na defesa e afirmação dos direitos individuais e coletivos, bem como, no desenvolvimento de capacidades e potencialidades.

O NAS realiza projetos socioassistenciais que possibilitam a inserção de profissionais (professores, membros de departamento, funcionários e alunos) do Instituto no atendimento à população.

Representantes dos Departamentos:
  • Arteterapia – Mª de Betânia Paes Norgren
  • Formação em Psicanálise - Cristina Perdomo / Isabel Ghirardi
  • Gestalt Terapia - Fátima Ap. Gomes Martucelli
  • Psicanálise – Tera Leopoldi / Mª Cristina Petry B. Martinha
  • Psicodrama – Claudia C. Fernandes / Mª Dolores C. Toloi
  • Psicopedagogia - Marlene Alexandroff / Elisa Maria Pitombo
  • Psicossomática - Cassiana Gomes Clemente
Representantes dos Centros:
  • CNRVV - Antônio Rivaldo Brasil de Lima / Michele Luiza Reichznt
Representantes da Clínica:
  • Juliana Marin
Representantes da Diretoria:
  • Georgia Vassimon
  • Mª de Betânia Paes Norgren
Secretário do Núcleo de Assistência Social: Luigi Ribeiro
Nossas intervenções (projetos, cursos ou capacitações) acontecem em diversas áreas, sempre com pessoas em situação de vulnerabilidade social:
  1. Crianças e Adolescentes
  2. Idosos
  3. Famílias
  4. Imigrantes e refugiados
  5. Adultos
  • Abrigos (SAICA).
  • Escolas Estaduais.
  • Creches.
  • ONG.
  • Tribunal de Justiça SP.

CRIANÇAS E ADOLESCENTES – Mª Betânia Norgren

APRENDIZAGEM SOCIOEMOCIONAL – SAICA e ESCOLA Visa favorecer a promoção de saúde, na medida em que favorece relacionamentos interpessoais, enfrentamento positivo de situações de crise e resolução de problemas, assim como a elaboração de projeto de vida e ampliação da rede de apoio e pertencimento.


PROJETO PASSAGEM Procura contribuir para que o jovem construa um percurso de autonomia e elaboração de projeto de vida na passagem do acolhimento (SAICA) para a vida adulta, implicando padrinhos e educadores no processo de desabrigamento.


PROJETO DAS CESTAS BÁSICAS (PANDEMIA) O objetivo deste projeto é atender famílias em situação de alta vulnerabilidade, garantindo um direito básico, fundamental à vida. Ocorre em caráter de emergência. São atendidas mensalmente famílias de creche, clínica, em situação de violência, de imigrantes, com necessidades especiais, povo de rua e aldeia indígena.


CURSO DE MANEJO DE GRUPO PARA PROFESSORES Estimular a reflexão da prática profissional visando contribuir para a formação do professor, priorizando aprimorar a experiência grupal para oferecer subsídios vivenciais sobre o trabalho com grupos, além de refletir a respeito do vínculo professor-aluno- escola-sociedade.


CURSO LETRAMENTO O curso tem como objetivo formar educadores para a implantação de oficinas de letramento para crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, contribuindo para que a reinserção e permanência na escola seja uma realidade para essas crianças e adolescentes. Ele é realizado em dois momentos: curso presencial e atividades práticas supervisionadas.


FAMÍLIAS (Resp.: Fátima Martucelli)

OFICINA PAIS E FILHOS Tem o objetivo de auxiliar os pais no enfrentamento da separação conjugal, possibilitando desenvolver e reconstituir laços afetivos, de forma a evitar a alienação parental. Procura conscientizar os pais que é importante a criança conviver com eles e construir uma relação aberta e construtiva, a despeito da nova configuração familiar.


TRANSFORMADOR EM AMOR: ENLUTADOS POR SUICÍDIO Visa oferecer um lugar de conectividade entre pessoas que se encontram em processo de luto pela morte por suicídio. Nosso objetivo principal é dar proteção ao familiar/amigo da pessoa que se matou, oferecendo um espaço de pertencimento para que os sobreviventes do suicídio possam receber acolhimento em seus processos de luto.

• Os encontros ocorrem de maneira online, nas últimas terças feiras do mês às 19h30 (horário de Brasília). Neste mês o encontro ocorrerá dia 24/11/2020 e as inscrições podem ser realizadas por e-mail (nas@sedes.org.br) até a véspera do encontro.


IDOSOS (Resp.: Mª Dolores C. Toloi)

NÚCLEO DE CONVIVÊNCIA O NCI busca colaborar para a melhoria da qualidade de vida dessa população, por meio de ações que favoreçam o processo de envelhecimento ativo, saudável e autônomo, bem como a inserção social e o aumento da afetividade nos relacionamentos interpessoais com o fortalecimento de vínculos familiares e de solidariedade.


CURSO CUIDANDO DO CUIDADOR Identificar as necessidades, desejos e interesses dos diferentes sujeitos e a busca em contribuir para a melhora da qualidade de vida dos cuidadores, com o aprimoramento do exercício profissional em diversas instituições, criando um espaço de aprendizado com as vivências do cotidiano nas relações interpessoais (troca e a construção de saberes), se transformando em uma experiência de interdisciplinaridade.


IMIGRANTES E REFUGIADOS (Resp.: Mª Christina Magalhães)

CURSOS DE LÍNGUAS E CULTURAS INTERNACIONAIS Os cursos abordam aspectos culturais de diferentes países, propiciando aprendizado linguístico e intercultural. São ministrados em parceria com professores migrantes que cresceram em países da África, Ásia, Oriente Médio e América Latina.


GRUPO FAROL


CURSO CELPE-BRAS Instruir os imigrantes sobre o exame (necessário para conseguir a cidadania brasileira) e capacitá-los no uso das estruturas da língua portuguesa requeridos no exame Celpe-bras. O curso aborda exercícios de compreensão que envolvem habilidades oral e escrita da língua portuguesa, estudo dos gêneros textuais simulados de provas dos anos anteriores.


CURSO CULINÁRIA (dado por IMIGRANTES E REFUGIADOS) A alimentação é algo que tem em si valor afetivo e cultural que pode ser transmitido entre diferentes gerações e contextos. Nossa proposta é oferecer oficinas culinárias mensais, nas quais o professor ensine um prato típico e apresente a cultura do seu país de origem.


ADULTOS

PROCESSOS GRUPAIS – SGP/TJ Grupo de escuta e trocas entre trabalhadores do TJSP que se encontram afastados do trabalho por motivo de saúde. A proposta é que se possa dar lugar a uma reflexividade que permita aos trabalhadores restabelecerem o nexo causal entre trabalho, sofrimento e a condição que os levou ao afastamento.


 
Baixar a cartilha no link: cartilha_NAS_2018.pdf   nas_logo_sedes
Share on FacebookTweet about this on Twitter