QUEM SOMOS

Somos um coletivo interdisciplinar de reflexão, pesquisa, atuação formativa e de intervenção nas questões relativas à vida, à saúde e aos direitos humanos de trabalhadores e trabalhadoras. Nossa constituição inicial teve por objetivo atender à demanda formulada por estudantes do curso de Extensão "Saúde Mental Relacionada ao Trabalho" que, vinculados às áreas da Saúde Pública, Educação, Empresarial, Previdência Social e Justiça do Trabalho, almejavam um espaço de reflexão que possibilitasse o aprofundamento das temáticas desenvolvidas no curso. Posteriormente, esse grupo se ampliou e hoje é composto por pesquisadores/as, docentes e profissionais com atuações relevantes nesse campo, advindos da comunidade Sedes, de Universidades e outras instituições.

O NÚCLEO SEMENTE se propõe a fortalecer e ampliar o conhecimento do campo da Saúde Mental e Direitos Humanos relacionados ao Trabalho, bem como apoiar as diversas ações e intervenções desencadeadas nesta área.

Coordenação:

Titulares: Edith Seligmann-Silva, Eliana Ap. da S. Pintor e Maria Laurinda R. de Sousa.

Suplentes: Damares Vicente, Lucieneida D. Praun, Pedro Mascarenhas e Vera L. Salerno.


HISTÓRICO

Em 2016, em atendimento à demanda de estudantes que finalizaram o curso de Extensão, constituiu-se um GT (Grupo de Trabalho) sobre Saúde Mental e Direitos Humanos Relacionados ao Trabalho, agregando além dos/as estudantes, pesquisadores/as e profissionais com trabalhos, pesquisas e produção acadêmica na temática.

Os encontros mensais se organizaram em torno do compartilhamento de pesquisas, debates sobre políticas públicas, análise de situações de vida, trabalho e direitos humanos de grupos específicos de trabalhadores/as, relatos de experiências, bem como a realização de eventos abertos à comunidade, a saber:

- “Efetivação dos direitos fundamentais e sociais e a realização do direito ao trabalho"

- “Reforma  Previdenciária  e os Direitos dos  Trabalhadores”

- “Reforma Trabalhista, impactos e resistência”

- “Rupturas das  Barragens Mariana e Brumadinho - Os Impactos  Humanos”

- “Renda, Trabalho, Saúde” (seminário realizado em conjunto com o Departamento de Psicanálise do Instituto).

- “Errâncias” Discussão do  documentário “Que  língua você fala” – apresentado por sua  diretora, a artista e educadora Elisa Bracher.

Esses desdobramentos e toda a crise política do país, com propostas que desconsideravam as conquistas trabalhistas e os direitos humanos, acentuaram a necessidade de se constituir um espaço de referência, um núcleo, formalizado institucionalmente e capaz de:

  • responder às demandas de palestras, cursos e eventos;
  • acompanhar os trabalhos e pesquisas realizados nessa área;
  • realizar intervenções no espaço público em defesa dos/as trabalhadores/as;
  • propor outras formas possíveis de organização do trabalho;
  • apoiar as lutas pela sustentação dos direitos fundamentais, consagrados na Constituição Federal de 1988.

Em 2022, o Instituto Sedes Sapientiae, reconheceu oficialmente a criação do Núcleo Semente – Saúde Mental e Direitos Humanos Relacionados ao Trabalho.

PROPOSTA

O NÚCLEO SEMENTE se propõe a fomentar, fortalecer e ampliar o conhecimento e as ações no campo da Saúde Mental e Direitos Humanos Relacionados ao Trabalho, bem como apoiar as diversas ações e intervenções desencadeadas nesta área por grupos, coletivos, movimentos, sindicatos e demais instituições de luta pela conquista e garantia de direitos.

Constitui-se como espaço coletivo e democrático de resistência, capaz de acolher o sofrimento cotidiano de trabalhadores/as, perseverando no propósito de luta em prol da saúde e direitos humanos, contribuindo para análise e compreensão das contradições e conflitos que se expressam no mundo contemporâneo do trabalho.

Pretende tornar-se um centro interdisciplinar e multiprofissional de reflexão, intervenção e de produção de conhecimento sobre o lugar do trabalho na vida e na saúde de trabalhadores e trabalhadoras, bem como de difusão das experiências de organização e resistência, buscando contribuir para o fortalecimento das lutas históricas da classe trabalhadora  pelo reconhecimento de seus direitos.

ÁREAS DE ATUAÇÃO

Nossas propostas serão organizadas de acordo com demandas e necessidades manifestadas por trabalhadores e trabalhadoras vinculados/as a empregos formais, organizados/as (ou não) em coletivos, sindicatos, associações ou movimentos,  bem como por aqueles/as que se encontram em trabalhos informais ou desempregados.

No momento, o Núcleo Semente formalizou Grupos de Trabalho com as seguintes propostas de atuação:

Formação Continuada

Tem como objetivo fomentar discussões, estudos e pesquisas na área de SMRT (Saúde Mental Relacionada ao Trabalho), bem como a atualização dos temas abordados no curso de aperfeiçoamento de SMRT.

Destina-se a alunos/as e ex-alunos/as do curso SMRT, membros do Núcleo SEMENTE que se interessarem pelos temas e representantes do Fórum Entidades Nacional de Trabalhadores/as da Saúde- FENTAS

Trabalho, Território e Saúde

1.Direitos Humanos, Trabalho e Saúde

Desenvolvimento de um espaço político-pedagógico articulado com os movimentos sociais, sindicatos e outras associações de trabalhadores/as, enfocando as desigualdades no trabalho, especialmente as de raça, gênero e classe;

Assessoria e consultoria sobre direitos trabalhistas, perícias judiciais e assistência técnica.

Estabelecimento de parcerias com entidades ou serviços pertinentes a essa área, como o CEPIS (Centro de Educação Popular do Sedes Sapientiae), o Instituto Walter Leser e a UNIFESP - Universidade Federal de São Paulo – Campus Baixada Santista.

2.Grupo de Escuta/Acolhimento

Destinado a trabalhadores/as em geral – formais, informais e desempregados/as.

Os Encontros podem ocorrer no Sedes e podem também ser itinerantes, possibilitando o acesso a todos, todas, nas comunidades, nas associações ou nos movimentos que manifestarem desejo de escuta ou acolhimento.

O Grupo está aberto a parcerias que possam criar fluxos de encaminhamentos recíprocos e ações conjuntas. No momento, está viabilizada uma parceria com o Escuta Sedes.

3.Comunicação e Difusão do Conhecimento

Tem por objetivo disseminar as temáticas relativas à saúde mental e direitos humanos relacionados ao trabalho por meio de eventos abertos à comunidade, tais como: Seminários, Jornadas, Psicodrama público, Cine-Trabalho: filmes seguidos de debates, Podcasts e outros recursos midiáticos que possibilitem a apreensão, pelo coletivo, das ações desenvolvidas pelo Núcleo.

Pretende, também, divulgar Campanhas e Atos de Solidariedade criados pelos Grupos de Trabalho do Núcleo Semente.

MURAL

Notícias/Informes


A ASSEMBLEIA MUNDIAL DA SAÚDE EM TEMPOS DE EMERGÊNCIA
Reunião da OMS foi marcada por tensões e frustrações. Inclusão da Palestina e resolução do Brasil sobre mudanças climáticas foram alguns dos principais avanços – mas fracassos do Acordo das Pandemias e de pauta de gênero deram tom do evento.
Publicado em: 01/07/2024.

9 DE JULHO: DIA DA LUTA OPERÁRIA. HOMENAGEM A MARIA MAENO - MEMBRO DO NÚCLEO SEMENTE E AO SINDICALISTA CARLOS CLEMENTE
No Dia da Luta Operária, em 9 de julho, serão homenageadas com o Troféu José Martinez duas pessoas atuantes na defesa da classe trabalhadora e no fortalecimento do movimento sindical brasileiro: a pesquisadora da Fundacentro Maria Maeno e membro do Núcleo Semente o sindicalista Carlos Clemente. Onde: Casarão do Sindicato dos Padeiros de São Paulo - Rua Major Diogo, 285, Bela Vista - São Paulo/SP. Quando: 9 de julho, a partir das 9h. Saiba mais no site da Oboré: https://www.obore.com/noticia/maria-maeno-e-carlos-clemente-receberao-o-trofeu-jose-martinez-no-dia-da-luta-operariahttps://www.instagram.com/p/C8t3jm2PJPc/?igsh=MTk3bXYwc2Q3a2Rtaw==
Publicado em: 01/07/2024

"MANIFESTO PELA PAZ - NÃO ÀS GUERRAS"

Clique aqui para visualizar a nota em PDF...


A história das LER/Dort também é marcada por uma luta pelo reconhecimento do caráter ocupacional das LER/Dort e dos direitos sanitários, previdenciários e trabalhistas delas decorrentes. Para tanto, costumava-se realizar eventos no dia 28 de fevereiro ou no dia 29, nos anos bissextos, que visavam reunir pessoas e entidades para dar visibilidade ao grave problema de saúde pública que acometia milhares de trabalhadores/as e auxiliar na articulação do movimento sindical. Desse contexto, nasce o Dia Internacional de Combate às LER/Dort, celebrado nessas datas. O Núcleo Semente em parceria com a Fundacentro participa da organização e da condução desse encontro que tem como tema: LER/Dort ontem e hoje. O que aprendemos e o que fazer.
publicado em: 28/02/2024.

“Nota referente a entrevista de Rosângela Lacerda (MPT) à Stephanie Suerdieck na Rádio Metrópole

Clique aqui para visualizar a nota em PDF...


BlogSEMENTE: https://nucleosemente.blogspot.com/

Apoio público às Ministras Marina da Silva e Sônia Guajajara

Nós, do Núcleo Semente. Saúde Mental e Direitos Humanos Relacionados ao Trabalho, manifestamos nossa intensa preocupação com o ataque, feito pelo Congresso, ao Ministério do Meio Ambiente, desconsiderando os estudos, pesquisas e pareceres do IBAMA contrários à licença de ocupar e perfurar áreas sensíveis na Amazônia que colocam em risco a floresta, os povos indígenas e seus territórios.

Manifestamos também nosso protesto à tentativa de esvaziamento do Ministério dos povos indígenas e a aprovação da PL490, que defende o Marco Temporal e se constitui como uma grave ameaça aos direitos legítimos dos povos originários e à preservação da Mata Atlântica.

Esses atos opõem-se às pautas prioritárias do novo governo, constantemente defendidas por Lula, dentro e fora do país: defesa da floresta, combate ao aquecimento global e demarcação das terras indígenas.

Este é um momento de necessária resistência política e de manifestação pública em defesa da preservação do meio ambiente e dos direitos dos povos indígenas.


Evento Fundacentro “Panorama da Saúde do Trabalhador: Desafios para a Reconstrução”

No próximo dia 28/04/2023, dia mundial em memória das vítimas em acidentes e doenças do trabalho, o Núcleo Semente, marcando a importância desta data e alertando para a necessidade de um olhar mais cuidadoso para os riscos envolvidos em certas atividades e a importância de dispositivos de proteção, convida a todxs para o evento realizado pela Fundacentro sobre o tema “Panorama da Saúde do Trabalhador: Desafios para a Reconstrução” que acontecerá na tarde da próxima sexta-feira, dia 28 com transmissão ao vivo no canal da Fundacentro no YouTube, das 14 às 18hs.

O IWL-FESPSP participa na organização e leva para a mesa de debates, a proposta de política pública para o setor, o Sinastt, Sistema Nacional de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora, que a exemplo do Sistema de Segurança Alimentar e Nutricional, pode garantir base sustentável e resiliente a trocas de governo.

Para saber mais sobre a proposta, acesse e acompanhe o Mural do Sinastt ou no site: https://www.institutowalterleser.org/noticias-dia-mundial-st


Manifesto À Sociedade e aos Candidatos das Eleições 2022 em Defesa da Saúde, do Trabalho e dos Direitos Humanos: Levantar Utopias para Transformar a Realidade, onde o Núcleo Semente - Saúde Mental e Direitos Humanos Relacionados ao Trabalho, do Instituto Sedes Sapientiae, manifesta-se em defesa dos Direitos Humanos, da preservação da Saúde Mental e do reconhecimento do Trabalho como lugar central na vida.

Clique aqui para visualizar o manifesto em PDF...


O Núcleo Semente apoia e divulga a proposta de criação do SINASTT e convida todxs para a assinatura do "Manifesto pela Saúde e pela Vida dos trabalhadores e trabalhadoras do Brasil"

Formulou-se uma proposta de criação de um Sistema Nacional de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora (SINASTT) à semelhança do Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (SISAN), exitoso nos governos de 2003 a 2015 no combate à fome, que tenha o objetivo de proporcionar aumento do mercado formal, melhoria das condições de trabalho e proteção da saúde dos trabalhadores, interrompendo o ciclo histórico de exclusão social pelas incapacidades em decorrência de acidentes e doenças relacionadas ao trabalho, que oneram o Estado brasileiro e penalizam as famílias.

Mais informações e adesões: https://www.institutowalterleser.org/manifesto-sst-2022


O Núcleo Semente – Saúde Mental e Direitos Humanos relacionados ao Trabalho, vinculado ao Instituto Sedes Sapientiae, vem a público manifestar preocupação quanto ao adiamento, para o mês de maio de 2023, da 5ª Conferência Nacional de Saúde Mental (CNSM)

Acesse o manisfesto em PDF clicando aqui...


Nota em Defesa dos Direitos dos Povos Indígenas Garantidos pela Convenção 169 da OIT

Em 23/7/2022, Txai Suruí, coordenadora da Associação de Defesa Etnoambiental - Kanindé e do Movimento da Juventude Indígena de Rondônia, afirmou...

Acesse a nota em PDF clicando aqui...

NOTA DE DESAGRAVO À AUDITORIA-FISCAL DO TRABALHO DO BRASIL - 22/05/2022

TODA A CARREIRA DA AUDITORIA-FISCAL DO TRABALHO E INSTITUIÇÕES QUE TÊM COMO MISSÃO INSTITUCIONAL ZELAR PELO CUMPRIMENTO DA LEGISLAÇÃO TRABALHISTA BRASILEIRA FORAM DESRESPEITADAS...

Acesse a nota em PDF clicando aqui...


AFIPEA PROMOVE O LANÇAMENTO DO LIVRO ASSÉDIO INSTITUCIONAL

A Afipea tem o prazer de convidar a todos para prestigiar o lançamento do livro ASSÉDIO INSTITUCIONAL NO BRASIL: AVANÇO DO AUTORITARISMO E DESCONSTRUÇÃO DO ESTADO. O lançamento ocorrerá em três eventos, uma cerimônia na Câmara dos Deputados (03/05), uma Coletiva de Imprensa (04/05) e um seminário (05/05), que poderão ser acompanhados presencialmente ou online! Confira em:

https://afipeasindical.org.br/noticias/afipea-lanca-livro-sobre-assedio-institucional/


02 DE MAIO - UM DIA NACIONAL DE COMBATE AO ASSÉDIO MORAL

O 2 de maio é também conhecido como Dia Nacional de Combate ao Assédio Moral no Trabalho e, para que você possa entender melhor o assunto, sugerimos o artigo de Eliana Pintor, psicóloga e mestre em Psicologia da Saúde

#AssedioMoralNão

Veja no site da CUT-SP:

https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=318773397071896&id=100068177137844


Em defesa da Saúde Mental e do SUS.

Em 6.4.2022, o Núcleo assinou a petição em defesa da Saúde Mental e contra a portaria 596/2022 que corta os recursos da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) e facilita o retorno de práticas manicomiais, configurando mais um ataque à Reforma Psiquiátrica e ao SUS. Essa petição é, também, um manifesto em favor do Decreto Legislativo 66/22 (PDL), apresentado pelo Deputado Federal Alexandre Padilha para sustar essa portaria.


No dia 15/03/22 o Núcleo Semente encaminhou Ofício à Câmara Legislativa Federal manifestando apoio  pela adesão à Carta de Apoio à ratificação da Convenção 190 da OIT. Esta Convenção versa sobre a eliminação da Violência e Assédio no mundo do trabalho.

Nosso encaminhamento foi uma resposta ao pedido do MPT- Ministério Público do Trabalho – que faz parte da articulação de movimentos, coletivos e instituições que podem contribuir para pressionar deputados e senadores para que o Brasil venha ratificar essa Convenção elaborada em 2019.

Estamos na luta por um mundo do trabalho sem violências!

Acesse o texto da Convenção 190da OIT no site oficial: https://www.ilo.org/brasilia/publicacoes/WCMS_760224/lang--pt/index.htm


Cenas da Vida do Trabalho (pequenos ensaios, poemas, recortes do cotidiano)

“Pedro pedreiro penseiro esperando o trem”

Esperando o aumento para o mês que vem

Esperando o trem, esperando aumento, esperando a sorte,

Que não vem, não vem, não vem, não vem...

Pedro juntou Paulo, juntou Maria, juntou João

Todos juntos não esperam maisnada e ninguém.

Lutam.

Sabem dos direitos que têm e que já vem

Que já vem que já vem, já vem, já vem, já vem...

(Lau com parceria e inspiração de Chico Buarque)

TEXTO: ASSÉDIO MORAL, DIREITO E DESGASTE MENTAL O trabalho pode ser fonte de gratificação e de saúde, mas, em muitos casos, ele é realizado de forma indigna, sem proteção ou garantias por parte da legislação trabalhista. O texto de Giancarlo Gonçalves chama a atenção para essas violações, explicitando o que se entende por Assédio Moral e Desgaste Mental.

Para acessar o material em PDF, clique aqui...

ARTIGO: SALUD MENTAL RELACIONADA CON EL TRABAJO: DESAFÍOS PARA LAS POLÍTICAS PÚBLICAS

DOI:  https://doi.org/10.11144/Javeriana.upsy14-5.smrt

Apresentação:

Este artigo foi escrito a partir da pesquisa de uma das autoras, para a qual foi realizado um levantamento de publicações referentes a políticas públicas de saúde mental relacionada ao trabalho em diferentes países. Nesse levantamento bibliográfico em bases de dados e sites oficiais, realizado por volta de 2013-14, ficamos surpresas com o fato de que, ao colocar os termos ‘saúde mental’ e ‘trabalho’ nos buscadores, o que mais surgia era textos sobre ‘fatores de riscos psicossociais’, em geral, com uma perspectiva individualizante, com foco maior nos sujeitos trabalhadores e nas relações sociais nos locais de trabalho do que no trabalho propriamente dito. Naquele momento, a temática dos fatores de riscos psicossociais ainda não tinha um destaque no Brasil, diferentemente da Colômbia, onde já contava até com legislação específica. Por outro lado, a perspectiva da Saúde Mental Relacionada ao Trabalho, adotada pelos autores do artigo, não era conhecida naquele país. Assim, como uma das autoras é colombiana, optamos por publicar este artigo em espanhol em uma revista da Colômbia.


ARTIGO: O campo da Saúde do Trabalhador e os desafios do trabalho na atualidade: uma reflexão a partir da Psicologia Social do Trabalho

DOI: https://doi.org/10.1590/2317-6369/40322pt2023v48edcinq5

Apresentação:

Este artigo é fruto de um desafio lançado pelos editores da RBSO, por ocasião da comemoração dos seus 50 anos. Fomos convidadas a escrever sobre contribuições da Psicologia Social do Trabalho (PST) para o campo da Saúde do Trabalhador (ST). O desafio foi interessante, pois, até então, havíamos escrito sobre o inverso, ou seja, a influência da ST na construção da PST. Como as três autoras tinham experiência de trabalho e/ou de pesquisa em políticas públicas em ST, aceitamos o desafio.

Considerando que o mundo do trabalho passou por muitas alterações desde que o campo da Saúde do Trabalhador surgiu no nosso país (período pós-ditadura), colocamos o foco do artigo sobre as possíveis contribuições do olhar da PST a partir das características do trabalho no contexto contemporâneo.


 

FALE CONOSCO

Endereço: Rua Ministro de Godoi, 1484 – Perdizes – São Paulo/SP.

Telefone: (11) 3866-2754

E-mail: semente@sedes.org.br

“Espaço aberto para enviar mensagem”

Compartilhar com: